quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Comarca de Tutóia e Conselho da Comunidade entregam brinquedos na Escola da rede Pública no Bairro São José

A iniciativa partiu do Juiz de Direito titular da Comarca de Tutóia, Dr. Rodrigo Otávio Terças Santos. Ele vem realizando este projeto desde o ano passado (a entrega de 2015, foi feita na Escola Cajuzinho no Bairro Cajueiro, reveja AQUI). 

A ação social foi realizada hoje (12) de manhã no feriado em que se comemora o Dia Das Crianças com quase 100 crianças de quatro a nove anos de idade na Escola Municipal São José no Bairro de mesmo nome no centro da cidade.

A ação distribuiu brinquedos para as crianças adquiridos com recursos do Fundo Judiciário - dinheiro oriundo de penas e multas arrecadadas pela justiça de Tutóia.

O juiz, a equipe de servidores do Fórum, funcionários da escola realizaram diversas brincadeiras com a criançada, distribuiu doces e montou um pula-pula no pátio da escola. A criançada ouviu histórias encenadas com a professora Verônica Damasceno.

De acordo com o juiz Rodrigo Terças, titular da Vara Única, a finalidade da iniciativa é de promover a aproximação entre o Poder Judiciário e a sociedade. “O Judiciário não se restringe apenas ao trato com processos, mas também participa de ações que visam ao aprimoramento da vida em sociedade”, disse o magistrado. 

Ainda de acordo com o juiz “não há nada que pague o olhar de gratidão de uma criança, que muitas vezes não tem a possibilidade de ganhar um brinquedo ou ter um dia de diversão como esse e, nós do Fórum, do Conselho da Comunidade e todos os nossos bravos servidores, pudemos dar essa oportunidade a muitas crianças neste feriado. A alegria não foi somente deles, mas nossa também”, completou o magistrado que carrega a marca de uma infância sofrida e de muito trabalho.

O presidente do CCT, Elivaldo Ramos, disse que "é da natureza do Dr. Rodrigo ajudar pessoas carente, ele se sente bem com ações como essas. E, ele está aproximando mais ainda o judiciário do cidadão tutoiense e está de parabéns por fazer a felicidade de crianças que trazem a marca da vida sofrida de uma comunidade, essencialmente, pesqueira e de migrantes da zona rural de Tutóia e que precisa de muita atenção" ressaltou ele.

Veja as fotos:

































Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colaboradores

Arquivo do blog