quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Cemar corta energia da Câmara de Vargem Grande


Vereadores que deram expediente hoje (4) na Câmara Municipal de Vargem Grande precisaram trabalhar no escuro.

Logo nas primeiras horas da manhã, uma equipe da Cemar esteve no local para cortar o fornecimento de energia elétrica do Legislativo local por falta de pagamento.

O caso deixou intrigados moradores da cidade, principalmente diante do fato de que o repasse mensal ao Poder Legislativo chega à casa dos R$ 190 mil e os gastos gerais – salários de vereadores e servidores aí incluídos – pouco passam dos R$ 100 mil.

É algo que merece explicação por parte do presidente da Casa, vereador Germano Barros, coincidentemente, irmão do prefeito Carlinhos Barros (PCdoB).

Fonte: blog do Gilberto Leda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colaboradores

Arquivo do blog