terça-feira, 26 de junho de 2018

Multidão enfurecida lincha assassino de Maycon nas primeiras horas de hoje em Araioses



Uma multidão enfurecida linchou por volta de 7:30 h de hoje (26), Wallison Silva Araújo, vulgo “Zambeta”, de 19 na área externa de uma casa na Rua Pedro I, bairro Botafogo em Araioses/MA.

Wallison Silva Araújo, vulgo “Zambeta”

Zambeta que era conhecido como um dos filhos da Pardinha assassinou Maycon Araújo, provavelmente na companhia de outros, por volta da cinco horas da manhã do último domingo (24). O crime ocorreu de natureza extremamente violenta, já que a vítima tinha várias perfurações de arma branca pelo corpo e por pouco não teve seu braço direito decepado.

Wallison – o Zambeta, mesmo jovem ainda tinha já tinha uma imagem muito negativa em Araioses, pelo fato de ser autor juntamente com seus irmãos ainda menores de idade, de muitos furtos ocorridos em residências da cidade.

Ele era muito violento e fui um dos que assassinou a idosa Maria de Lourdes Ataíde em Araioses, quando tinha 17 anos de idade. O crime abalou a cidade e ele seus parceiros foram aprendidos, mas por ser menores de idade logo estavam livres para cometer novos delitos.
Maycon Araújo assassinado por Zambeta

Desde que assassinou Maycon Araújo, também conhecido por Dandan, que ele estava foragido. Muitos até achavam que ele já tinha fugido para longe, porém pelo fato de não ter estrutura o mais certo é que continuava na cidade como de fato estava.

Moradores da Rua Santa Teresinha, bairro Nova Conceição, próximo a casa onde morava Zambeta informaram que na noite de ontem para hoje, várias pessoas em motos e armadas de facas e armas de fogo cercaram a casa após saberem que ele estava lá. Com aproximação das pessoas ele fugiu em direção a Pedro I onde foi encurralado e linchado hoje cedo.

Muita gente estava no local. Zambeta em cima de uma casa e cercado destruía o telhado da residência jogando cacos de telha nos seus perseguidores. Esses também arremessavam pedras em direção a ele. O desfecho estava perto.



Alguém conseguiu chamar a polícia e essa veio com um casal de polícias que entraram na casa conseguindo a rendição do assassino de Maycon Araújo.

Mas não houve jeito, pois ele foi tomado das mãos dos policias e linchado ali mesmo.
A imagem de um corpo todo quebrado e esfaqueado com um facão cravado em suas costas virilizou nas redes sócias.

O vídeo acima registra o momento de rendição de Zambeta



Fora a Pardinha, a mãe de Zambeta, ninguém chorou sua morte. Para muitos a morte desse infeliz significa um marginal a menos na cidade.

Que País é esse, onde muitos falham a ponto de se achar que o melhor caminho é fazer justiça com as próprias mãos?

Texto: blog do Daby Santos






3 comentários:

  1. Acredito que é um país onde as instituições funcionam de um modo alheio aos interesses da população...então o que resta é isso que vemos acima.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Este não é e nunca foi o caminho! Hoje é difícil encontrar pessoas que assumam está errados em qualquer coisa. Todos acreditam que estão certos. E não aceitam a possibilidade da ponderação e da reflexão! Hoje mataram um bandido que assim é conhecido por não ser um réu primário. Mas este que comete, ou cometeu crimes considerados imperdoáveis para a sociedade é o bandido a ser exterminado da face da terra. Matar e roubar é imperdoável. Porem outros crimes vem sendo cometido no Brasil a fora, onde pessoas enriquecem e ganham poder em cima da desgraça da sociedade menos favorecidas. E muitos por vários motivos, que embora não se justificam. Vão parar na criminalidade. Famílias totalmente desestruturadas de tudo não conseguem educar e muito menos passar valores morais e éticos para seus filhos e acima de tudo serem bons exemplos para estes. E o que resta para estes jovens? Sem cultura, sem chances, sem oportunidades iguais, e sem nenhuma formação profissional?. O que resta? Uma mídia que joga nas casas das pessoas objetos de desejos jamais alcançáveis para a maioria dos brasileiros. Religiões pregando sempre a prosperidade e nunca a formação do caráter do individuo e da ética e o respeito mutuo, o que se esperar? Ok! Mataram este bandido! Legal! E ai? nunca mais haverá bandidagem após este ato? Todos terão oportunidades e chances iguais a partir de agora? Nos anos 50 começaram a matar bandidos nos estados do Rio de Janeiro e São Paulo, dizendo que assim não haveria mais bandidos e que bandido bom era bandido morto! Bom, mataram muita gente. E como estão os estados do Rio e São Paulo agora? E triste! E deprimente! E o fim! Estas pessoas terão coragem de peitar os políticos ladrões e corruptos deste país que jogam jovens como este na desgraça? Na lama? No lixo? Ou irão vender votos em Outubro de 2018 para manter estes ladrões e corruptos de todos os partidos políticos no poder para terem FORO PRIVILEGIADO, e assim continuarem roubando e tirando direitos e oportunidades de jovens como estes? E TRISTE!

    ResponderExcluir

Colaboradores

Arquivo do blog