terça-feira, 21 de junho de 2016

Preservação do meio ambiente em Tutóia é motivo de zombaria em Tutóia

Uma reclamação feita pelo presidente da Associação dos Moradores do Povoado Curralinho foi motivo de zombaria por parte de muitos vereadores na sessão plenária da Câmara na manhã de ontem (20). 

A reclamação citou o nome do vereador Rafael do São Bento como um dos integrantes de um grupo de caça predatória na região e também sobre um empresário tutoiense que está construindo um lava a jato às margens do rio Barro Duro que passa por aquela comunidade. 

O vereador Zé Orlando foi quem fez a denúncia oferecida pela Associação e o vereador Alexandre Baquil se posicionou na defesa do vereador acusado dizendo que se fosse com ele procederia com processo contra o presidente da Associação. 

Opinião: O rio Barro Duro está sofrendo várias ações degradantes nos últimos anos e, são elas: construção indevida às margens do rio; desmatamento das margens; plantio indevido na área da nascente; entre outros danos.

Pouca gente tem dispensado atenção a essa problemática que por consequência quase 20 mil pessoas daquela região está sofrendo à morte do rio.



Publicidade
      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colaboradores

Arquivo do blog