segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Tutóia recebeu o primeiro Urban Hacking da Rota das Emoções: Show de artes e cultura da comunidade totalmente gratuita

Promover interação entre os moradores e turistas, movimentando os negócios da economia criativa local, o Urban Hacking Tutóia ocupou espaços públicos com ações de lazer, cultura, entretenimento e muita descontração.


Sob a brisa vinda do Oceano Atlântico em dia de sexta-feira ensolarada, a cidade de Tutóia, foi tomada pela arte urbana, feita pelos próprios moradores com apoio de mais de 60 parceiros, entre estes: Sebrae, Prefeitura local, através da Secretaria Municipal de Turismo, Hotéis, Pousadas, Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL, Agentes de Viagens, Comerciantes, a Associação do Trade Turístico de Tutóia - ATRATUR, e outros.


O presidente da ATRATUR, Patrick Araújo, fala da satisfação de participar do evento. "É uma satisfação imensa termos sido contemplados e executar o primeiro Urban Hacking da Rota das Emoções. Nós do trade de Tutóia estivemos nessa articulação desde o projeto líder de desenvolvimento regional e uma das metas que nós traçamos foi executar eventos semelhantes a este em toda a rota e Tutóia teve o privilégio de acontecer primeiro e isso vai de encontro às nossas ações de desenvolver cidade de forma sustentável, aquecer a economia e resgatar o orgulho do morador."


O evento teve 12 horas de duração e teve como tema "Aquarela de beleza e encantos", baseado em uma ode musicada de Raimundo Nonato Freitas, um tutoiense que soube traduzir as belezas da cidade praiana, nascida a beira do Delta das Américas.


Urban Hacking, que traduzido é invasão urbana, fez uso dos espaços públicos com as mais diversas atividades, culturais, relacionadas a educação, saúde, turismo, cultura, lazer, sempre com o olhar da sustentabilidade, de maneira que a comunidade local, que transita diariamente pelos espacos públicos, muitas das vezes sem aquele sentimento de pertencimento, mas que a partir de agora veja estes espaços, como espaço de vivência de todos.


O evento acontece pela primeira vez no Estado do Maranhão, sendo uma ação do Investe Turismo, sob a chancela do Sebrae, construído com os parceiros e a comunidade.


O diretor do Sebrae Maranhão,  Mauro Boralho ressalta a intenção do evento. "O Urban Hacking é um movimento que promove a ocupação inteligente dos espaços públicos de forma criativa, dinâmica, envolvendo realmente a sociedade, em prol do desenvolvimento da cidade."


A segunda versão vai acontecer no proximo sábado (25/10), na cidade de Barreirinhas, capital dos Lençóis Maranhenses.


O gerente regional do Sebrae Maranhão convida toda a população para prestigiar esse movimento. " Agradeço primeiramente todos os parceiros, as pessoas que compraram e toparam a ideia de fazer algo diferente em Tutóia. O Sebrae está muito feliz com os resultados alcançados e aproveitamos para convidar para a segunda edição no dia 25 de outubro em Barreirinhas. Você é o nosso convidado. Participe!"


SOBRE O PROJETO


O Urban Hacking é um projeto do Sebrae, que de maneira inteligente resolveu inserir a comunidade, dando -lhes, o papel principal, aonde eles expressam suas formas de artes e saberes em forma de danças, pinturas, artesanato, folguedos, gastronomia, entre outras.


Toda ação tem como proposta o bem estar da comunidade, preparando a mesma para oferecer ao visitante as melhores experiências turísticas, promovendo contatos do turista com o destino, por meio de interação direta com a comunidade.

Para tanto, o Sebrae e parceiros disponibilizam tecnologias inovadoras, canais de comunicação, wi-fi gratuito, instrução de empreendedorismo e governança. Tudo isso, observando os valores regionais e com respeito a  sustentabilidade local.

Em tempo: A equipe de dois profissionais do Jornal Cazumbá, viajou a Tutóia a convite do Sebrae, tendo parte de suas despesas custeadas pela ATRATUR

Via blog reginaldocazumba.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colaboradores

Arquivo do blog